Homenagem aos Avós

Foi num clima de muita alegria, criatividade e beleza que no dia dos avós, 26 de julho foram homenageadas as 33 avós e um vovô. Todos chegaram transbordando satisfação para esta festa organizada com tanto carinho por uma equipe da Comunidade de São José, no bairro Alto da Boa Vista, Paróquia S. João Batista e Santa Izabel, em Maceió- Al – prestigiando os avós da comunidade.

Benedita da Silva Olintho que teve a iniciativa desta homenagem nos diz: “Eu comecei esta festa inspirada em minha madrinha que fazia esta homenagem lá onde morei, no
Rio de Janeiro.Quando vim para cá, escutei um velhinha da comunidade reclamar que ninguém fazia festa para os idosos. Escutei isso como um apelo de Jesus. Este é o 4o ano que estamos organizando. Me sinto muito bem e conto com a contribuição de várias pessoas.”

D. Maria Águida de Jesus Filha (79 anos) expressou: “Achei muito lindo as brincadeiras. Tudo na paz, alegre, tudo satisfeito!Gosto de ser avó, tenho família grande. Tenho 10 filhos, 22 netos e 11 bisnetos. Dou conselhos e rezo por eles, esta é minha missão. Rezamos o terço quase todos os dias.”

Sr. Juarez Ferreira da Silva (66 anos) com alegria falou deste dia: “Eu me senti muito feliz. Pela primeira vez, por ter minha netinha (três meses de vida). Só senti a ausência dos homens-vovôs. A festa foi maravilhosa! E o ano que vem faremos melhor!”

D. Divanice Pastora dos Santos (78 anos) muito satisfeita pela homenagem nos diz: “Gostei bastante da festa dos avós. Fiquei feliz, alegre e dei muitas “gaitadas”. Gosto muito de gente alegre. Tenho muitos netos e bisnetos. São 29 netos e 10 bisnetos. O que mais faço é rezar por todo o meu povo. Até quando estou trabalhando, estou rezando por todos. Gosto de brincar, caçoar e palestrar.”

Maria Elizabete Barbosa (48 anos) disse: “Para mim ser avó é como ser mãe duas vezes. O cuidado é maior com os netos. Minha netinha é minha companhia e ficamos conversando.Achei muito bom celebrar este dia, e neste ano teve mais novidades e mais brincadeiras”.

Celebrar este dia é reconhecer o valor e a grande missão dos avós dentro de nossas famílias e nas comunidades. Acolhemos suas bênçãos, seus conselhos e oferecemos os nossos parabéns!

Ir Amélzia Maria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.