Newton Lima prestigia assinatura de carta da Pastoral da Criança e abaixo assinado “Saúde Mais Dez”

Registramos a informação enviada pelo coordenador do setor de São Carlos/SP , Mauro Evaristo da Silva, sobre as assinaturas das Convocações aos candidatos das eleições 2012 e a campanha “Saúde mais Dez”
Leia na íntegra:
O deputado federal Newton Lima (PT-SP) participou na noite da última sexta-feira (24/8) de uma missa na Catedral de São Carlos, onde contribuiu com o abaixo assinado “Saúde Mais Dez” do Movimento Nacional em Defesa da Saúde Pública.

No mesmo evento, o candidato à reeleição Oswaldo Barba assinou uma carta de compromisso com a Pastoral da Criança, uma espécie de manifesto público do seu compromisso com a honestidade na vida pública e com as propostas do documento da Pastoral da Criança “Convocação aos Candidatos”.

O objetivo da carta é construir oportunidades para que os cidadãos de São Carlos, particularmente as crianças, os adolescentes e as mulheres pobres, tenham melhores condições de vida, em especial com a realização de ações nas áreas de saúde, direitos da criança e do adolescente, assistência social, educação, agricultura e desenvolvimento.

Para o candidato, que já realiza ações importantes enquanto prefeito em proteção às crianças e adolescentes do município, essa carta vem de encontro às suas propostas contidas no Programa de Governo. “Com a assinatura dessa carta torno público o meu compromisso em integrar essas propostas em nossas propostas e meus projetos ao longo do meu mandato”, disse Barba.

Após a assinatura da carta, Barba e Newton Lima contribuíram com o abaixo assinado realizado pela Pastoral da Criança, em conjunto com a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e outras entidades da sociedade civil, cujo objetivo é defender o aumento da oferta e a qualidade dos serviços públicos de saúde. Para isso, a proposta do movimento é coletar assinaturas para elaborar uma lei de iniciativa popular com o objetivo de assegurar o repasse efetivo e integral de 10% das receitas correntes brutas da União para a saúde pública brasileira.

Para que a mobilização tenha sucesso, é necessário coletar pelo menos 1,5 milhão de assinaturas (1% do eleitorado nacional) distribuídas em pelo menos cinco estados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.