Oficina de Brinquedos e Brincadeiras

“E tudo que disserdes ou fizerdes, que seja sempre no nome do Senhor Jesus, por ele dando graças a Deus Pai.” Co 3,17

ACONTECEU:

O setor Nossa Senhora da Conceição da Pastoral da Criança, com muita dedicação e alegria no dia 11 de julho  de 2013, no salão próximo a Igreja de Santo Antônio no município de Barra de Santo Antõnio reuniu as Coordenadoras das Paróquias dos municípios de Barra de Santo Antônio, São Luiz de Quitunde, Flexeiras, Maragogi, Porto Calvo,  Japaratinga, Paripueira para um dia de  SENSIBILIZAÇÃO, E OFICINA DE BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS. Na oportunidade foram convidada(o)s  brinquedistas  com objetivo de integrar mais a ação BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS e refletir sobre a importância do brincar para promoção do Desenvolvimento Infantil.

A Pastoral da Criança entende ser o brincar uma necessidade para o desenvolvimento infantil. A criança brinca por necessidade e ao brincar aprimora seus sentidos e seus desenvolve sua linguagem e seu pensamento; aprende e compreende as atividades, os costumes dos adultos e as relações entre as pessoas. Por sua relevância o brincar é assegurado como um direito no Estatuto da Criança e do Adolescente (artigo 16). assegurado como um direito no Estatuto da Criança e do Adolescente (artigo 16).

Por outro lado, observa-se que as transformações da sociedade, principalmente nas grandes cidades, estão diminuindo as oportunidades que as crianças têm de brincar: a televisão ocupa um tempo cada vez maior nas atividades delas, a necessidade de mães e pais se ausentarem para o trabalho por um longo período impedindo que convivam e brinquem mais com seus filhos e filhas; a insegurança nas ruas que impedem o brincar em calçadas, praças e parques; as moradias das famílias, em especial das mais pobres, cada vez menores, são alguns dos motivos que diminuem as oportunidades para as brincadeiras seja em casa e também, em especial, junto com outras crianças. A ação busca:

• promover a defesa do direito da criança de brincar;

• incentivar o brincar que dá oportunidade à criança de escolher livremente o como e com quem quer brincar;

• criar oportunidades para o resgate de brinquedos e brincadeiras característicos das diferentes regiões do país;

• estimular a transmissão de valores e cultura da comunidade pela interação das gerações mais velhas com as mais novas;

• defender a criação de espaços nas comunidades para que as crianças brinquem juntas e ao ar livre em praças, parques, calçadas.

A Pastoral da Criança incentiva o brincar que tem como característica a livre escolha da criança porque entende que é por meio de escolhas que a criança pode ir aprendendo a exercitar sua autonomia, ou seja, aprender a fazer as coisas por conta própria, julgar o que gosta ou não gosta de fazer. A brincadeira, sendo o momento em que quem comanda a atividade é a criança e não o adulto, é uma oportunidade fundamental para que a criança aprenda a fazer escolhas, a tomar decisões, libere e controle emoções, exercite seu corpo, aprenda a fazer escolhas, a tomar decisões, libere e controle emoções, exercite seu corpo, estimule sua imaginação e criatividade.

Brincar é a principal atividade de uma criança e isso se deve a um fato muito importante: brincando ela aprende a conhecer o mundo, a conviver com as outras pessoas, a desenvolver habilidades e fazer coisas, a expressar os potenciais do seu Ser.

Sugestão de uma brincadeira com crianças menores de 2 anos.

ABRAÇO DE URSO.

LOCAL: ABERTO OU FECHADO

IDADE: ACIMA DE 1 ANO.

MATERIAL : UM OBJETO DE QUE SEU BEBÊ MAIS GOSTE.

DESCRIÇÃO DA BRINCADEIRA:

PEGUE O URSINHO DE PELÚCIA DE SEU FILHO OU QUALQUER OUTRO ANIMAL E DÊ UM ABRAÇO NELE. EM SEGUIDA, PASSE O URSINHO PARA QUE SEU FILHO DÊ UM ABRAÇO TAMBÉM.  REPITA VÁRIAS VEZES E TERMINE ABRAÇANDO OS DOIS JUNTOS. ESTA ATIVIDADE PERMITE QUE SEU FILHO DEMONSTRE SUA AFETIVIDADE E CONSIDERAÇÃO PARA COM OS OUTROS. É SUFICIENTEMENTE PEQUENO PARA QUE SEU FILHO POSSA TOMAR CONTA DELE, E MACIO O BASTANTE PARA QUE SEJA GOSTOSO ELE APERTÁ-LO.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.