Museu na Sede da Pastoral?

A Coordenação Nacional está estudando a possibilidade de fazer um Museu (ou algo parecido) aqui na sede da Pastoral da Criança. Algo que fale da vida das crianças, mas também de como a Pastoral da Criança trabalha e de sua fundadora, Dra. Zilda, minha mãe.

Seriam dois passos:
1. Criar um espaço Dra. Zilda para os romeiros que vierem a Curitiba, no dia 10 de janeiro de 2015, para entregar as assinaturas pedindo para nosso Arcebispo iniciar o processo de beatificação.
2. Criar o Museu propriamente dito, com espaço também para discussões sobre as novidades na área do desenvolvimento infantil.

visita

Através do facebook (Nelson Neumann) já recebemos algumas sugestoes:

Lucia Pereira Penso que o Museu é de suma importância, haja vista que espaço na Sede da Pastoral não falta e não podemos perder a memória da vida na Pastoral e da própria Dr ª Zilda. Fotos dos prêmios recebidos, presentes que ganhou, as belíssimas cartas que ela tão carinhosamente escrevia aos Líderes etc., fariam parte do acervo.

MariaLucia Lucia bem Nelson penso que fazer na sede da Pastoral vai fazer toda diferença por ser um espaço onde todos nos poderemoss ter acessocom mais liberdade, pq ja era um desejo da Dra Zilda montar algo assim so que ela pensava em fazer no Sitio onde morava pelos menos foi o comentario que fez uma vez numa conversa que estavamos tendo, mto bom poder fazer algo assim.qto ao outro espaço para discussoes sobre as novidades desenvolvimento infantil imagino que seria algo que fosse nos aproximar mais do nosso publico alvo e a sede deixaria de ser somente um espaço burocratico.Nao pode faltar cor tem que ser um espaço interessante alegre que traz vida.

Ronildo Oliveira Otima Ideia1 e criar desde já um espaço para testemunho da convivencia com a Dra. Zilda, fotos dos lideres, coordenadores com ela…tipo…

Paulo César Gomes Que os líderes, coordenadores, religiosos/as, padres, bispos, crianças, parentes… gravem um depoimento contando um fato que presenciou com a Dra. Zilda. Vai formar um excelente banco de testemunhos… Paz e Bem!

Mercedes Duarte Melgarejo Que tengamos también un espacio los que somos de los países donde la Dra. Zilda llego trayendo mensaje de vida. excelente la idea . Bendiciones

Ana Ruth Rezende Góes É muito importante esta iniciativa. Louvo e Agradeço a Deus pelos 28 anos de Caminhada e de maneira especial muito proxima nossa querida Dra.Zilda

Vânia Ferreira Seria também interessante colocar alguns pertences que marcaram a Dra.Zilda, como roupa, anel, colar (principalmente aquele que ela usava sempre). Prêmios recebidos, presentes, dentre outros. Títulos que recebeu: Ela tinha orgulho dos títulos de Cidadã Honorária… são muitas ideias

Vânia Ferreira Pensei também em uma réplica em tamanho natural (boneco de cera) da Dra.Zilda. Imaginem

Rose Albino Ótima ideia! Acho que não pode faltar e um espaço para depoimentos de superação, que aconteceram graças a ajuda de líderes da pastoral da criança.

Zilda Querida Homenagem Dr. Nelson Neumann, não conheço o tamanho do local, mas poderia haver um espaço ainda que pequeno para algumas especificidades regionais, mesmo que fosse apenas com maquetes. Mostrando as diferentes formas de atuação: os líderes que andam de barco, de carroça, que fazem a comida em fogão de lenha, que pesam as crianças debaixo das árvores, em casas de taipa. É apenas ma sugestão. A paz esteja conosco.

Vitoria Alda Dantas Nossa,estava a procura desta pagina.Lá vai minha sugestão.No espaço pensei ter um cantinho com fotos de Dra.Zilda,por onde ela passou.Isto,cada lugar do Brasil e dos países onde a Pastoral se faz presente veiaríamos as fotos para Curitiba.

Qual é a sua opinião a respeito? O que não poderia faltar?

Com abraço,

4 comentários sobre “Museu na Sede da Pastoral?

  1. Muito louvável, vai ser bom pois é uma forma de outras pessoas conhecer nossa história, que é a grande família pastoral da criança .

  2. Excelente ideia!. É importante que tenhamos o lugar de fazer memória da Dra. Zilda, também do ponto de vista físico; e nada melhor do que aí, que tem mesmo a cara dela e onde ela guardava as coisas que ganhava nos setores e os prêmios que obteve.
    Além disso é ótimo termos um local para abrigar os peregrinos, não apenas no dia 10 em 2015, mas em todo o período para a frente, principalmente na beatificação propriamente dita. Não faltarão, acreditem.
    Milhares de pessoas vão querer ir a beatificação e com certeza será em Curitiba.
    E esse povo novo da pastoral precisa ver os vídeos e ouvir os depoimentos dela.
    Preparem-se pq toda grande ordem ou movimento tem que venerar a memória do seu fundador, e muito mais de Dra, que além de santa, que sempre foi, tornou-se mártir.

  3. Lendo os comentários concordo com todos eles. Não tive a felicidade de conhecer Dra. Zilda e por isso, quando for visitar a sede da Pastoral, seria interessante se pudesse encontrar essas instalações que nos “trariam de volta” esse tesouro que Deus chamou para Si. Sugestão: que seja um espaço interativo onde poderemos deixar também nossas impressões e emoções de podermos participar deste universo de solidariedade e expansão da fé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.